Notícias Hotelaria Profissional
Newsletter
Cadastro Newsletter
Busca
PUBLICIDADE
Banner topo Cozinha Profissional HP Anuncie
Cozinha Profissional
Fotolia / © denphumi
10/09/2014 - 10h57
Empresas de turismo registram crescimento de 11%
Copa do Mundo elevou o faturamento de segmentos como o de parques e atrações turísticas, revela estudo


O faturamento médio das empresas do setor de turismo cresceu 11,1% no segundo trimestre de 2014, na comparação com o mesmo período de 2013. É o que revela o Boletim de Desempenho Econômico do Turismo. Os percentuais mais elevados foram registrados nos segmentos de parques e atrações turísticas (15,8%); turismo receptivo (15,3%), meios de hospedagem (15,1%) e transporte aéreo (11,6%). O salto na arrecadação das empresas do setor (11,1%) é o maior dos últimos seis anos. 

No mesmo período, abril, maio e junho, houve também aumento médio de 15% no quadro de pessoal das empresas. O resultado foi atribuído pelas empresas aos investimentos realizados no ano e a maior divulgação dos atrativos e roteiros turísticos. Os segmentos de transporte aéreo e de parques temáticos sentiram os efeitos positivos da realização da Copa do Mundo, ainda que a pesquisa tenha captado somente resultados da primeira metade do Mundial, que começou em 12 de junho e teve um mês de duração.

“O estudo confirma nossas expectativas em relação à Copa de Mundo e, mais ainda, reforça a importância do turismo para o país: um setor dinâmico que produz bons resultados e cresce acima da média da economia”, disse o ministro do Turismo, Vinicius Lages.

O Boletim de Desempenho Econômico do Turismo mostra também o otimismo do empresariado em relação ao trimestre de julho a setembro, que detectará os efeitos da segunda quinzena do mundial de futebol. Das empresas pesquisados, 52% manifestaram intenção de investir. Elas afirmam que 16,3% do faturamento, em média, serão reaplicados principalmente em treinamento de funcionários, infraestrutura das instalações, tecnologia da informação, marketing e promoção de vendas.

No segundo trimestre, a expansão dos negócios ocorreu em todos os sete setores pesquisados. Sendo que as agências de viagens, organizadoras de eventos e as operadoras de turismo relataram aumentos de receita que variam de 5% a 0,2%, enquanto nos outros segmentos do turismo a expansão foi superior a 11%.

O boletim, produzido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), se baseia em informações fornecidas por gestores de 678 empresas, com faturamento de R$ 8,2 bilhões no trimestre e quadro de 72.367 funcionários. Os segmentos pesquisados são: parques e atrações turísticas; transporte aéreo; turismo receptivo; meios de hospedagem; agências de viagens; organizadoras de eventos; e operadoras de turismo.

Fonte: Ascom MTur
Untitled Document
Editora Nova Gestão Ltda. | Tels.: (11) 3562-3166 | (11) 3562-3170


Site desenvolvido por Lucia Cavalcanti