Notícias Hotelaria Profissional
Newsletter
Cadastro Newsletter
Busca
PUBLICIDADE
Banner topo Cozinha Profissional HP Anuncie
Cozinha Profissional
Andrea Padovan
18/03/2015 - 10h16
Conotel 2015: segundo dia do congresso em SP
Palestras focaram em questões tributárias, motivação, captação e retenção de colaboradores


Dando continuidade ao 57º Congresso Nacional de Hotéis – Conotel, que acontece em paralelo a 3ª edição da Food Hospitality World – Feira Profissional de Alimentação e Hospitalidade, organizada pela Fiera Milano, o segundo dia de palestras apresentou um conteúdo atrativo e relevante para os gestores hoteleiros. 

O congresso iniciou o dia com a coordenadora de Projetos de Turismo do SEBRAE/RJ, Vanessa Cohen, divulgando aos visitantes o programa de gestão sustentável da entidade. Nacionalizado neste ano, o projeto capacita hotéis baseado na norma da ABNT NBR 15401:2014, que estabelece requisitos relativos à sustentabilidade exclusivamente para os meios de hospedagem, sendo possível a adoção de boas práticas que levam à economia de recursos e à preservação do meio ambiente.

Em sequência, o primeiro painel, apresentado pelo Dr. Raul Haidar, teve o tema “Questões tributárias da indústria hoteleira e sucessão familiar”, com mediação de Manuel Lisboa, diretor da ABIH Nacional. Apesar deste ser um assunto de muita incerteza para os profissionais do ramo, o advogado assegura: “O direito tributário é algo simples, as pessoas que gostam de complicar”.

Segundo ele, o hoteleiro não precisa, necessariamente, estar intensamente familiarizado sobre as questões tributárias, para isso ele pode contratar um profissional especializado. O que se demonstra essencial nos tempos de hoje, pois aquela antiga ideia de que tudo se resolve no “jeitinho” já está em extinção.

Segundo ele, o hoteleiro não precisa, necessariamente, estar intensamente familiarizado sobre as questões tributárias. Contratar um profissional especializado se tornou essencial nos tempos de hoje, uma vez que aquela antiga ideia de que tudo se resolve no “jeitinho” já está em extinção.

Abrindo a discussão sobre gestão de pessoas, no segundo painel, a Dra. Vania Ejzenberg, diretora da Ejzenberg Recursos Humanos, falou sobre a captação e a retenção de talentos, juntamente com Jurema Dantas, membro do Conselho Nacional de Turismo. Citando a falta de mão de obra qualificada como um dos grandes gargalos para o desenvolvimento do turismo no Brasil, ela afirma que o profissional deve ser responsável pelo seu conhecimento e desenvolvimento.

“É ele quem deve cuidar sempre da sua empregabilidade. A empresa pode agir como uma facilitadora, mas não espere que esse benefício venha direto dela”, alerta Vania. Jurema Dantas adverte que o Brasil deve agir rapidamente na qualificação e profissionalização no turismo e na hotelaria, já que isto está interligado com os níveis de competitividade do País.

Finalizando o ciclo de palestras do dia, Wanderlei Passarela, coach de carreira, debateu, juntamente com a presença no palco do diretor-executivo e publisher da revista Hotelaria Profissional, Alan Banas, sobre a motivação de funcionários e a importância das boas práticas de governança. Wanderlei afirmou que a motivação não deve vir de aspectos exteriores, e sim, de dentro de cada um.

O Conotel e a Food Hospitality encerram hoje, dia 18. A cobertura completa estará na edição de Abril/Maio da revista Hotelaria Profissional.


Fonte: Redação HP / Andrea Padovan
Untitled Document
Editora Nova Gestão Ltda. | Tels.: (11) 3562-3166 | (11) 3562-3170


Site desenvolvido por Lucia Cavalcanti